quinta-feira, 11 de novembro de 2010

MATEMÁTICA


É a ciência que estuda as quantidades, o espaço, as relações abstratas e lógicas aplicadas aos símbolos. O matemático utiliza a lógica na formulação de teorias e no teste de hipóteses. Desenvolve aplicações dos cálculos matemáticos usados na pesquisa pura e nas mais diversas áreas da ciência aplicada. Elabora fórmulas e bancos de dados para interpretar e solucionar problemas de desenvolvimento de produtos, de produção e de logística em empresas que lidam com computação, biologia, marketing ou engenharia. Esse profissional é bastante versátil e pode trabalhar nas áreas econômica, financeira, física e de pesquisa, entre outras. Está habilitado, ainda, a atuar no magistério, como professor no Ensino Fundamental, Médio e Superior.

O mercado de trabalho

O maior mercado para esse profissional está na docência. "É enorme a falta de professores de matemática no Brasil. O governo federal tem investido pesado na formação desses profissionais. As vagas no mercado de trabalho são, na maioria, para trabalhar em escolas públicas. Nas escolas particulares há um número razoável de vagas", afirma o professor Augusto Vieira Cardona, diretor da Faculdade de Matemática da PUCRS. A criação de novas universidades federais abre vagas no ensino superior, destinado a professores com pós-graduação (mestrado e doutorado). Já nos demais segmentos a procura pelo matemático ainda é tímida. Bancos, instituições financeiras e consultorias são empresas que contratam esse profissional. As regiões Sul e Sudeste oferecem as melhores chances de trabalho. Na área da docência, há carência de professores no Norte, no Centro-Oeste e no Nordeste. 

Salário inicial: R$ 950,00 (professores de Ensino Fundamental II da rede pública estadual, sem gratificações, por 24 horas semanais; fonte: Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo).

O curso

O estudo de teorias matemáticas e suas diversas aplicações acompanha toda a trajetória do aluno. Nos dois primeiros anos, o currículo traz cálculo diferencial e integral, álgebra e geometria, além de aulas de informática, probabilidade e estatística. A partir do terceiro ano, quem opta por licenciatura (veja também o verbete Ciências Naturais, na pág. 96) passa a ter aulas de disciplinas de Pedagogia. Quem segue o bacharelado se aprofunda em matemática. Em determinados cursos, a matemática é aplicada a uma área específica do conhecimento, informática ou computação. 

Duração média: quatro anos. 

Outros nomes: Matem. (com enfoque em inform.); Matem. (ênf. em inform.); Matem. (fin.); Matem. Aplic.; Matem. Comput.; Matem. Ind.

O que você pode fazer

Análise numérica

Traduzir modelos matemáticos para a linguagem de computadores.

Ensino

Lecionar em escolas de Ensino Fundamental, Médio e Superior.

Modelagem

Construir modelos matemáticos que simulem situações reais, a fim de antever e prevenir problemas, em parceria com físicos, químicos e engenheiros. O trabalho nessa área costuma ser feito em indústrias, instituições financeiras ou centros de pesquisa.

1 Comentarios:

Curso de matemática realmente é para poucos! Às vezes me perco em tantos problemas dentro de um só!
Mas o curso abaixo de Engen, de telecomunicação parece ser uma boa.
Abraços

Postar um comentário